Grávida dispensada aos 7 meses ganha indenização